CARA_3

João Freire de Noronha

Aulas - Informações para os alunos

Informação profissional

Contacto

Breve currículo

Projetos

Posição Atual

 

Presidente da Escola Superior Agrária de Coimbra

Professor Adjunto

 

Responsabilidades Atuais

 

·         Presidente da Escola Superior Agrária de Coimbra

·         Membro da Direção da Coimbra Mais Futuro em representação da ESAC/IPC

·         Docente responsável pela unidade curricular de Higiene e Segurança Alimentar da Licenciatura em Engenharia Alimentar

·         Docente responsável pela unidade curricular de Análise Sensorial da Licenciatura em Engenharia Alimentar

·         Orientador de Estágios Profissionalizantes do Mestrado em Engenharia Alimentar e Licenciatura em Tecnologia Alimentar

Voltar ao topo

Aulas 2018/2019

1º Semestre

Não leciono neste semestre

2º Semestre

Análise Sensorial – Licenciatura em Tecnologia Alimentar (2º ano)

Higiene e Segurança Alimentar – Licenciatura em Tecnologia Alimentar (3º ano)

 

 

Coletânea de Legislação

Alguns Manuais

 

Disciplinas que lecionei em anos letivos anteriores:

Gestão da Qualidade e Auditorias  – Mestrado em Engenharia Alimentar (1º ano) (2008/2009 a 2016/2017)

Estatística AplicadaCTeSP em Qualidade Alimentar (1º ano) (2016/2017)

Investigação em Agricultura Biológica  - Mestrado em Agricultura Biológica (2º ano) (2015/2016)

Introdução à Segurança Alimentar  Licenciatura em Engenharia Alimentar (3º ano)

Processamento Geral de Alimentos – Licenciatura em Engenharia Alimentar (2º ano) (até 2013/2014)

Controlo e Certificação da Qualidade Alimentar- ESTESC – Licenciatura em Nutrição e Dietética (3º ano) (2013/2014)

Qualidade, Conservação e Transformação de Produtos Biológicos – Mestrado em Agricultura Biológica (1º ano) (até 2013/2014)

Segurança Alimentar Mestrado em Engenharia Alimentar (1º ano) (até 2013/2014)

Controlo da Qualidade (Segurança Alimentar) – CET em Qualidade Alimentar (até 2013/2014)

Análise Sensorial – Licenciatura em Engenharia Alimentar (2º ano) (até 2013/2014)

Projeto I – Licenciatura em Engenharia Alimentar (2º ano)

Tecnologias Adaptadas II – Mestrado em Direito à Alimentação e Desenvolvimento Rural (1º ano)

Engenharia Bioquímica – Licenciatura em Biotecnologia (2º ano) Regente/Docente (2011/2012, 2012/2013 e 2017/2018)

Gestão da Qualidade – Mestrado em Biocombustíveis (1º ano) – Regente e Docente em 2009/2010

Desenho Assistido por Computador – Engenharia do Ambiente (2º ano) – Regente em 2007/2008

Gestão da Qualidade – Engenharia Alimentar (4º ano) – Regente/Docente de 2003/2004 a 2007/2008

Controlo da Qualidade – Engenharia Alimentar – Regente/Docente de 2002/2003 a 2006/2007

Métodos Numéricos Aplicados à Engenharia – Engenharia Alimentar – Regente/Docente em 2006/2007

Métodos Estatísticos – Engenharia Alimentar – Regente/Docente em 2006/2007

Estatística e Delineamento Experimental – Regente/Docente em 2006/2007

Controlo da Qualidade Alimentar – Modulo de Segurança Alimentar – CET em Qualidade Alimentar 1ª e 2ª Edições – 2008/2009

Ética e Deontologia – Engenharia Alimentar (5º ano) – 2003/2004 a 2008/2009

Engenharia Biotecnológica – Engenharia Alimentar

Seminário LEAP – (HACCP)

Projeto II – Engenharia Alimentar (3º ano)

 

Contacto

João Freire de Noronha
Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Coimbra
Departamento de Ciência e Tecnologia Alimentares
Bencanta
3045-601 Coimbra
Portugal

noronha@esac.pt

Telefone - 239 802 276          Telemóvel - 934 584 171      

Voltar ao topo

Projetos

CHEESAROMA – caracterização e identificação de componentes voláteis associados às características sensoriais dos principais queijos tradicionais de ovelha (POCI/CVT/60794/2004) (responsável na ESAC)

CHEESAROMA – CHaracterisation and idEntification of VolatilE ComponentS Associated to sensoRy FlavOurs of Major traditionAl ovine cheeses

Escola Superior de Biotecnologia (ESB/UCP); Escola Superior Agrária de Beja (ESAB/IPB); Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC/IPC)

 

1 de Junho de 2005 a 31 de Maio de 2008

 

Os queijos tradicionais possuem sabores delicados e característicos que podem ser usados para diferenciar os vários queijos. A química do aroma é de grande complexidade, sem existir um único composto responsável por sabores/aromas específicos; de facto vários compostos voláteis desempenham um papel crítico no aroma global do queijo curado. Os queijos Serra da Estrela e Serpa possuem ambos DOP, sendo produzidos com leite e ovelha e coagulados com enzimas de Cynara cardunculus. Não obstante a raça de ovelha ser diferente, cada tipo de queijo é produzido de acordo com protocolos empíricos semelhantes.

O objetivo geral deste projeto é identificar, e validar o papel dos componentes químicos considerados responsáveis pelo conjunto de aromas chave atribuídos na linguagem sensorial para queijos tradicionais, em particular os queijo Serra da Estrela e Serpa. A identificação e o relacionamento entre a âncora química e a terminologia sensorial permitirá: 1) estabelecer relações entre o atributo sensorial atribuído do queijo e a química do aroma complexo e da tecnologia de produção; 2) conhecer a evolução dos teores dos compostos aromáticos específicos ao longo do período de cura; 3) proceder ao melhoramento tecnológico e à aceitação da linguagem sensorial desenvolvida entre os grupos de investigadores e os produtores; e 4) estimular a entrada em nichos de mercado e a estratégia de venda de tais queijos DOP

 

 

AGRO 44 - HACCP Aplicação da metodologia HACCP (auto controlo) na fileira dos lacticínios. Da produção de leite à produção de queijo e requeijão (Chefe do Projeto)

 

 

 

Março 2002- Novembro  2005

O objetivo genérico do projeto é a criação de uma linguagem comum entre os responsáveis nas empresas (queijarias) pela posta em prática de sistemas HACCP, Hazard Analysis and Critical Control Points, (autocontrolo) e os técnicos das entidades responsáveis pela aprovação dos sistemas, licenciamento e fiscalização, de modo a facilitar a posta em prática do sistema em queijarias artesanais.

Dado a aplicação eficaz de um sistema de autocontrolo pressupor um estudo completo da fileira de produção, de modo a garantir eficazmente a proteção do consumidor, optou-se por considerar os seguintes objetivos:          

(i) Conceção e divulgação de um manual de Boas Práticas Produção para as explorações de leite (pequenos ruminantes).  

(ii) Conceção e divulgação de um manual de Boas Práticas de Fabrico para Queijarias. 

(iii) Implementação de sistemas HACCP em Queijarias Tradicionais - Unidades de demonstração do sistema (3 a 7 Queijarias)

(iv) Conceção e divulgação de planos genéricos HACCP para o fabrico de Queijos Tradicionais e Requeijão.

(v) Criação de um site na Internet para relativo à temática da higiene, boas práticas de fabrico e HACCP na produção de queijo e requeijão.

           

AGRO 243 - Painéis Caracterização sensorial de queijos e requeijão elaborados a partir de leites de ovinos e caprinos da região centro - Aplicação ao Queijo da Serra Velho e Requeijão (Chefe do Projeto)

Março 2002- Novembro 2005

O principal objetivo deste projeto é a constituição e manutenção de dois painéis especializados na análise sensorial de queijos (incluindo requeijão) tradicionais fabricados a partir de leite de ovelha e por mistura de leites de ovelha e cabra:

(i) Um painel vocacionado para a análise sensorial descritiva dos queijos/requeijão

(ii) Um painel vocacionado para a análise discriminativa de queijos/requeijão

No âmbito deste projeto o painel será utilizado para uma caracterização organolética do Queijo Serra da Estrela velho e do Requeijão produzido na zona da Serra da Estrela tendo em vista um possível processo de certificação destes produtos.

Voltar ao topo   

Currículo

Nasci em Coimbra, na Freguesia da Sé Nova, a 17 de Novembro de 1967.

Frequentei a escola primária, ciclo preparatório e ensino secundário em Coimbra.

Em 1985 entrei na Universidade de Coimbra onde obtive a Licenciatura em Bioquímica pela Faculdade de Ciências e Tecnologia em 1990.

Em 1991 concluí a Parte Curricular do Mestrado em Ciência e Engenharia Alimentar na Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa no Porto tendo sido Bolseiro do Programa CIENCIA da JNICT.

Em Outubro de 1991 como Bolseiro do programa CIENCIA/JNICT e mais tarde do programa PRAXIS XXI/JNICT fui estudar para a Katholieke Universiteit Leuven (Universidade Católica de Leuven) na Bélgica onde, em Maio de 1996, obtive o Doutoramento pela Faculteit Landbouwkundige en Toegepaste Biologishe Wetenschapen (Faculdade de Agricultura e de Ciências Biológicas Aplicadas) com a apresentação e defesa da tese de doutoramento "Improved Procedures for Designing, Evaluating and Optimising In-Pack Thermal Processing of Foods". Em Outubro de 1996 obtive a Equivalência ao Grau de Doutor pela Universidade Católica Portuguesa ramo de BIOTECNOLOGIA, especialidade de CIÊNCIA E ENGENHARIA ALIMENTAR.

Em 1995 ganhei uma bolsa no âmbito do programa "Human Capital and Mobility" da Comissão das Comunidades Europeias, DG XII tendo sido investigador na empresa "Campden & Chorleywood Food and Drink Research Association" de Janeiro a Novembro.

Em Outubro de 1995 fui selecionado por concurso documental para Assistente na área de "Controlo da Qualidade Alimentar" na Escola Superior Agrária de Coimbra onde exerci funções de Assistente de Dezembro de 1995 até Setembro de 1996.

Em Janeiro de 1997 ingressei como Técnico Superior no Centro de Tecnologia Alimentar da Associação para a Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica, tendo de Setembro de 1997 a Dezembro de 1997 ocupado a função de responsável interino do centro.

Em Dezembro de 1997 voltei para a Escola Superior Agrária de Coimbra na sequência de novo concurso tendo até Julho de 2000 exercido funções como Assistente do 1º Triénio.  Em Agosto de 2000 acedi à categoria de Assistente do 2º Triénio, exercendo desde Outubro de 2000 a Setembro de 2003 funções docentes idênticas às de Professor-Adjunto. Em Outubro de 2003, rescindi o meu contrato como Assistente do 2º Triénio e fui contratado como Equiparado a Professor Adjunto

A 14 de Maio de 2010 transitei para a categoria do Professor Adjunto em regime de contrato de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado por via da aplicação da Lei nº 7/2010 de 13 de Maio

Fui Presidente do Conselho Técnico Científico da ESAC de janeiro de 2012 a janeiro de 2014.

Sou Presidente da Escola Superior Agrária de Coimbra desde 5 de Maio de 2014.

Currículo (pdf)

Tese de Doutoramento (pdf)

Artigos com arbitragem

Participação em Congressos

Participação em Livros    

Voltar ao topo

Última atualização 06-02-2019 por João Freire de Noronha